Evangelho do dia 24.05.2017 – Jo 16, 12-15 – Leia o Evangelho de hoje

12Tenho ainda muitas coisas a dizer-vos, mas não podeis comportá-las por agora. 13Quando Ele vier, o Espírito da Verdade, guiar-vos-á para a verdade total. É que Ele não falará por si próprio, mas falará de quanto ouve e anunciar-vos-á o que está para vir. 14Ele há-de glorificar-Me, porque receberá do que é Meu, para vo-lo anunciar. 15Tudo quanto o Pai tem é Meu. Por isso Eu disse que Ele receberá do que é Meu, para vo-lo anunciar.

Comentário

  1. O Espírito Santo é quem leva à plena compreensão da verdade revelada por Cristo. Com efeito, como ensina o Concilio Vaticano II, o Senhor «com o envio do Espírito de verdade, completa totalmente e confirma com o testemunho divino a revelação» (Dei Verbum, n. 4). Cfr a nota a Ioh 14,25-26.

14-15. Jesus Cristo revela aqui alguns aspectos do mistério da Santíssima Trindade. Ensina a igualdade de natureza das três Pessoas divinas ao dizer que tudo o que tem o Pai é do Filho, que tudo o que tem o Filho é do Pai (cfr Ioh 17,10) e que o Espírito Santo possui também aquilo que é comum ao Pai e ao Filho, isto é, a essência divina. Acção própria do Espírito Santo será glorificar Cristo, recordando e esclarecendo aos discípulos o que o Mestre lhes ensinou (Ioh 16,13). Os homens, ao reconhecerem o Pai através do Filho movidos pelo Espírito, glorificam Cristo; e glorificar Cristo é o mesmo que dar glória a Deus (cfr Ioh 17,1.3-5.10).